Em 2015, a crise chegou com força no Brasil e está afetando milhões de negócios de diversos segmentos. Apesar das dimensões imensas do mercado da beleza no Brasil, o setor também está sentindo esse impacto e está correndo atrás de soluções para minimizá-lo.

Não se esqueça que o momento da economia também afeta os seus clientes: se, por um lado, as pessoas não deixam de cuidar da aparência e bem-estar durante a crise, por outro elas estão priorizando outros gastos, como alimentação e pagamento de contas. Para manter seu salão de beleza financeiramente saudável, é preciso entender o perfil dos seus clientes e como a postura deles mudou em relação aos agendamentos e comparecimentos.

Reunimos 8 dicas que vão ajudar seu negócio a não perder clientes e nem se deixar abalar pela crise:

1 – Calcule o impacto e as mudanças

Antes de tomar qualquer atitude ou lamentar-se por conta da baixa na economia, é preciso entender como ela afeta seu negócio em particular. Confira seus relatórios financeiros, de serviços e clientes – uma boa dica é compará-los com os do mesmo período do ano passado. Com uma análise mais aprofundada, você pode entender se seus clientes estão vindo menos ao salão de beleza ou gastando menos, dentre várias outras informações. Use seus dados para ter fundamentar suas decisões estratégicas.

2 – Economize e evite o desperdício

Evite o desperdício no salão de beleza

Controle o uso dos produtos e economize

Se economizar já é recomendável o tempo todo, em época de baixa o uso consciente dos recursos é absolutamente essencial. Aproveite a oportunidade para rever o uso dos produtos na realização dos serviços. Muitas vezes, na hora da pressa, acabamos desperdiçando o final do pote de algum produto, deixando a água ligada enquanto fazemos uma aplicação ou deixando mais luzes acesas do que o necessário. A praticidade de deixar todos os instrumentos sempre ligados à tomada também pode jogar contra você.

Analise alguns dias da sua rotina em busca de pontos de economia. Na maioria das vezes, é a soma de vários fatores pequenos que gera uma economia maior no fim do mês, ao invés de um único grande fator.

3 – Crie promoções e combos

Em tempos de crise, a rotina dos seus clientes também fica mais apertada. Em alguns casos, talvez eles precisem usar o dinheiro que normalmente gastam no seu salão com outras coisas, ou talvez continuem pagando por seus serviços mas com uma frequência menor. Seu papel nessa situação é dar incentivos para que eles mantenham seus hábitos de beleza. Uma estratégia clássica e certeira para atrai-los são promoções.

Use os dados dos seus relatórios para calcular quanto desconto você pode oferecer aos seus clientes sem comprometer a saúde financeira do seu salão. Criar condições vantajosas para clientes que consumirem um volume maior de dinheiro numa única visita também pode ser uma ótima saída. Outra opção é oferecer promoções personalizadas para os hábitos de consumo de cada cliente, premiando a fidelidade e a recorrência nas visitas.

Serviços Personalizados

Oferecer promoções e personalizar os serviços atraem e fidelizam os clientes

4 – Personalize os serviços

Seus clientes são essenciais para sua rotina e ainda melhor que oferecer promoções pontuais é mantê-los fieis. Um método eficiente para fazer com que seus clientes sempre retornem é oferecer um atendimento personalizado, baseado no histórico e nas preferências que você conhece de cada um. Saber as características e serviços preferidos dos seus clientes te dá informação para personalizar o atendimento. Assim, você os agrada e cria uma relação duradoura.

Invista em novidades de baixo custo

Encontre alternativas mais baratas de atrair os clientes

5 – Invista em novidades de baixo custo

Novidades de baixo custo, sejam produtos, serviços ou tecnologias, são sempre grandes atrativos para seu salão de beleza: elas dão um ar renovado para seu estabelecimento ao olhar dos clientes e impactam muito pouco em suas finanças.

Ofereça novos serviços que possuam um baixo valor de implementação, procure negociações por novos produtos ou produtos melhores que reflitam pouco no seu orçamento e encontre tecnologias que te permitam crescer em meio à crise.

Produtos de maior qualidade e durabilidade geram credibilidade e satisfação entre os clientes e os fazem retornar, enquanto tecnologias como o agendamento online e os lembretes de agendamento podem te trazer novos clientes e evitar que seus clientes não compareçam.

6 – Ajuste seu volume de compras

Quando o assunto é o volume de compras, a crise é uma faca de dois gumes: você pode fazer compras menores, se entender que o preço vai diminuir num futuro próximo, e pode fazer compras maiores se entender que o preço vai aumentar e quiser garantir uma maior quantidade de estoque a um preço menor.

Lembre-se de que se de que, se você verificar uma tendência de redução na frequência dos seus clientes, reduzir o volume de compras de produtos pode ser uma maneira eficaz de manter a rentabilidade do seu salão sem afetar a qualidade do seu serviço. Acompanhe o cenário e a política econômica de perto, converse com outros profissionais e fornecedores e veja como cada um deles está reagindo ao momento. Construa uma decisão baseada nos seus dados, nos seus parceiros e na realidade do seu negócio.

7 – Ofereça novos modos de pagamento

Com a economia abalada, o pagamento é a hora mais dramática de qualquer saída de casa. Estimule seus clientes a permanecerem frequentando o seu salão oferecendo formas de pagamento flexíveis, como cartão de crédito, pagamento online e parcelamentos. Apesar das taxas maiores que no pagamento à vista, formas de pagamento flexíveis são um investimento de longo prazo, trazendo benefícios permanentes para seus clientes.

Lembre-se que o comportamento de cada estabelecimento e seu posicionamento no mercado é diferente caso a caso. Portanto, você adapte as dicas de maneira que casem com as suas necessidades. Agora, conte para gente nos comentários se o seu salão enfrentou algum problema depois da crise e como você está lidando com isso!

Summary
7 dicas para driblar a crise no seu salão de beleza
Article Name
7 dicas para driblar a crise no seu salão de beleza
Description
Ajustar o volume de compras, evitar o desperdício e oferecer serviços personalizados são algumas dicas para que a crise econômica afete menos seu salão de beleza.
Author
Publisher Name
Beauty Date
Publisher Logo
Compartilhe
00